Acesse a conta on-line com mais praticidade no app Ailos
Abrir no Aplicativo

Fechar

Menu
Início do Conteúdo
Bem-vindo ao seu
próximo sonho realizado:
a casa própria
Conte com a sua Cooperativa para te ajudar a tirar
esse plano do papel com o Crédito Imobiliário.
qr-code

Conheça as vantagens do Crédito Imobiliário Ailos

Seja casa ou apartamento, novo ou usado, independente do seu sonho, nossas cooperativas tem o crédito na medida certa para tirar os seus planos do papel.

Use o FGTS na compra do seu imóvel

Para facilitar o seu financiamento realizar esse sonho você pode usar o valor do seu FGTS. Saiba como você pode usar.

Financie até 90% do valor

Realize agora o sonho ter uma residência para chamar de sua. Você merece, conheça nossas condições especiais.

Prestações para você ficar tranquilo

Você tem a facilidade de financiar seu imóvel em até 35 anos com parcelas que cabem no seu planejamento financeiro. Venha Simular!

Aproveite essa oportunidade

Solicite uma análise de crédito com a possibilidade de combinar a sua renda com qualquer pessoa que resida com você. Além disso, aproveite a oportunidade de financiar as custas cartorárias com as melhores condições do mercado.

Seguro Residencial

Garanta a segurança do seu patrimônio e da sua família com o seguro Residencial e viva com muito mais tranquilidade.

Portabilidade

Transfira o seu financiamento imobiliário de outro banco para a Ailos e aproveite todas as vantagens exclusivas para reduzir as parcelas do seu financiamento.

Encontre a solução perfeita
para realizar o seu sonho

Visite um dos nossos Postos de Atendimento para fazer uma simulação
e descubra a melhor opção de financiamento imobiliário pra você.

QUERO CONVERSAR PESSOALMENTE
Perguntas Frequentes
O que preciso para contratar um financiamento imobiliário e quantas pessoas podem participar?

É necessário ser cooperado, maior de 18 anos ou emancipado, não ter restrições de crédito ou impedimentos judiciais, comprovar renda suficiente para o financiamento e apresentar a documentação solicitada. O comprador poderá financiar sozinho ou compor renda com até 2 pessoas.

Posso usar o FGTS no meu contrato de financiamento habitacional?

Sim, desde que enquadrado em suas devidas regras, você pode utilizar o FGTS como parte do pagamento nas seguintes situações: • Parte do pagamento da entrada; • Para amortizar o saldo devedor; • Pagar até 80% do valor da prestação mensal de até 12 prestações; • Liquidar o saldo devedor.

Qual a diferença entre SFH (Sistema Financeiro de Habitação) e SFI (Sistema de Financiamento Imobiliário? E o prazo máximo e o valor máximo de financiamento?

SFH - atende compradores que pretendem financiar um imóvel em área urbana com finalidade residencial e com valor máximo do imóvel de até R$1,5 milhão. Esta linha de crédito também permite o uso do FGTS, de acordo com as regras vigentes. SFI - engloba financiamentos que não se enquadram na situação acima como, por exemplo, imóvel com valor superior a R$1,5 milhão, imóveis comerciais, terrenos ou imóveis em zona rural. Imóveis com valor inferior a R$1,5 milhão também podem ser financiados. É necessário lembrar que não é possível usar o FGTS nas linhas de SFI. Prazo máximo de 420 meses – 35 anos. (a soma da idade do cooperado mais o tempo de financiamento não pode superar 80 anos e seis meses). O valor mínimo de financiamento em ambos os produtos é de R$50 mil.

Quais os sistemas de amortização para o meu financiamento? E o percentual máximo de financiamento?

• Tabela SAC as prestações começam maiores e vão reduzindo com o passar do tempo, mantendo sempre a amortização constante. Financia até 90% do valor do imóvel, sendo necessário pelo menos 10% de entrada. • Tabela PRICE inicia com a prestação menor em comparação com a SAC, sendo parcelas constantes no decorrer do contrato. Lembrando que os contratos de financiamento da cooperativa têm o saldo devedor corrigido pela taxa TR (taxa referencial) mensalmente, podendo acarretar aumentos no saldo devedor e consequentemente nos valores mensais das prestações. Financia até 80% do valor do imóvel, sendo necessário pelo menos 20% de entrada; Para decidir qual o melhor sistema de amortização é fundamental entender o seu momento financeiro. Realize as simulações e veja qual delas melhor se adequa a sua realidade.

O que é ITBI, Habite-se, Certidões Negativas, Despesas Cartorárias e de Engenharia?

ITBI - imposto de Transmissão de Bens Imóveis – é o imposto que deve ser pago para a respectiva prefeitura sempre que ocorrer a transmissão da propriedade de um bem imóvel, ou dos direitos reais sobre ele (pode variar de acordo com o Estado); Habite-se - Documento que, fornecido ao dono da obra pelas autoridades públicas competentes, configura uma autorização para o uso do imóvel, em face de ter a construção observado ao projeto e aos padrões definidos em leis, regulamentos ou posturas municipais; Certidões Negativas: para validação das condições jurídicas das partes envolvidas (compradores e vendedores) no negócio e condição do imóvel objeto de aquisição. Isto garante uma segurança maior ao processo de compra do seu imóvel; Despesas cartorárias: registro do contrato no registro de imóveis, certidões (valores variam de acordo com cada cartório) e emolumentos; Engenharia – é a vistoria de avaliação do imóvel. É nesta etapa em que a tarifa de R$ 2.000,00 é debitada em conta. (Obs.: neste valor está incluso: Engenharia (avaliação), Análise Jurídica, Tarifa de Contrato, emissão das Certidões Negativas e demais certidões necessárias ao processo.

O que são os Seguros MIP e DFI?

DFI (Danos Físicos do Imóvel) é o que assegura a indenização dos prejuízos decorrentes de danos materiais que venham a afetar o imóvel financiado. MIP (Morte ou Invalidez Permanente) é o seguro destinado a dar cobertura ao saldo devedor, em eventual sinistro, morte ou invalidez permanente, cuja causa que as originou seja posterior a data da assinatura do contrato, quando a seguradora quitará o saldo devedor no mesmo percentual da renda comprovada pelo cliente participante sinistrado. Estes seguros são obrigatórios por lei e resguardam o cooperado e a cooperativa, sendo um benefício que protege o patrimônio familiar em caso de eventualidades relacionadas ao imóvel ou a vida dos compradores.

Como é formada a minha prestação do meu financiamento? E se eu as atrasar?

Nos financiamentos habitacionais, a prestação mensal é composta por: Amortização: corresponde à redução do Saldo Devedor durante o pagamento das prestações; Juros: São os custos do capital financiado. Trata-se de uma taxa que incide sobre o Saldo Devedor, cobrada mensalmente e que varia conforme a linha de financiamento adotada; Correção: o saldo devedor é corrigido mensalmente pela taxa referencial (TR); Seguros: A) MIP (Morte e Invalidez Permanente) – Seguro que garante a Cobertura do Saldo Devedor, nos casos de morte ou invalidez, a qualquer momento do contrato, de acordo com a proporção do financiamento que cada um dos compradores assume. B) DFI (Danos Físicos ao Imóvel) – Seguro que garante o imóvel em caso de sinistro. É calculado sobre o valor de avaliação do imóvel; Tarifa de Administração: é o valor cobrado mensalmente com a prestação, referente aos serviços de administração e manutenção do financiamento. Na Cooperativa o valor atual é de R$ 25,00. O atraso no pagamento gera multa e juros referentes aos dias de atraso e permite à Instituição Financeira incluir as informações vinculadas ao seu contrato em cadastros restritivos de crédito como SERASA e outros. A depender do tempo de atraso, a cooperativa poderá cobrar por meios judiciais a dívida, podendo chegar à retomada do imóvel se não houver acordo entre as partes

Posso pagar adiantado o meu financiamento? Terei desconto?

Sempre que possível, você tem a possibilidade de adiantar os pagamentos do seu financiamento através de uma amortização extraordinária. Pagar de forma antecipada ajuda a economizar nos juros pagos. Ao amortizar, o valor é reduzido do saldo devedor do financiamento. O saldo será recalculado e você poderá escolher entre: • Reduzir o valor mensal das parcelas; • Reduzir a quantidade de parcelas. Você poderá usar recursos próprios ou FGTS, desde que se enquadre nas regras vigentes.

Quando ocorre o vencimento da primeira parcela? Depois de contratado o financiamento, posso alterar? Estas parcelas são fixas ou poderão mudar com o passar do tempo?

O vencimento da primeira prestação ocorrerá 30 dias após a emissão do contrato de financiamento, não sendo possível escolher o dia de débito num primeiro momento. Não se preocupe, após contratado você poderá alterar o dia de vencimento da sua prestação buscando a cooperativa. Os contratos de financiamento imobiliário da cooperativa possuem o saldo corrigido pela taxa referencial (TR). Isso significa que, mensalmente seu saldo devedor e sua parcela poderão sofrer alterações pois o saldo devedor é corrigido pela TR do período.

Posso fazer portabilidade de crédito para a cooperativa?

Sim, realizamos a portabilidade do crédito imobiliário de outra instituição financeira para a cooperativa desde que se enquadre na mesma modalidade de financiamento. Compare os benefícios e venha para a cooperativa!

Ainda não escolhi o meu imóvel, posso começar o financiamento?

Sim. Você pode preencher seus dados para análise de crédito e, após a aprovação, negociar compra de um imóvel. A validade do seu crédito é de 60 dias. Após vencer este prazo, será necessário realizar uma nova análise de crédito.

Quer ser um cooperado?
Entre em contato conosco
Seja Cooperado
Fale Conosco
Atendimento das 7h às 22h, de segunda a sexta e das 8h às 20h sábados, domingos e feriados.
Chamadas internacionais: 55 47 3381 8740

Ouvidoria 0800 644 1100
Atendimento das 8h às 17h, de segunda a sexta
O Internet Explorer está sendo descontinuado.
Por favor, use outro navegador para acessar o site. Veja alguns navegadores que você pode utilizar: